terça-feira, 30 de outubro de 2012

EXTRA -Notícias do Sínodo dos Bispos 20 - Pe. Lima


APROVADA E PUBLICADA A MENSAGEM DO SÍNODO
Uma afirmação lapidar abre a reportagem do Ossevatore Romano
O jornal oficioso do Vaticano, em sua edição diária em italiano, publica em primeira página hoje, a manchete: O Evangelho no mundo, e traz já o texto integral da Mensagem do Sínodo ao Povo de Deus aprovada ontem de manhã. Na verdade essa edição já estava impressa ontem à tarde e começou a ser distribuída à noitinha.

Se está no Osservatore Romano (edição diária), quer dizer que certamente já está na Internet. O que chama mais a atenção, e aqui me dirijo especialmente ao Prof. Francisco Catão, do Instituto Pio XI (São Paulo) que tanto ensina e insiste nessa ideia, é a abertura da reportagem, citando a primeira frase da Mensagem, que já adiantei na Síntese da mesma enviada dias atrás: "O Sínodo, diz o jornal, lança um projeto concreto para a nova evangelização, com uma afirmação lapidar (punto fermo): «A fé se decide no relacionamento que instauramos com a pessoa de Jesus», e para testemunhá-lo é necessário estar lado a lado na vida das pessoas hoje, sem «inventar, quem sabe, que tipo de novas estratégias» porque o Evangelho não é «um produto a ser colocado no mercado das religiões»".
E prossegue: "Trata-se de um documento novo, conforme o Card. Betori [...] Novo pois «não se limita a exortações globais, mas se articula em temas que se relacionam a cada continente, expressa e especificamente citados em ordem alfabética»".
Mais na frente diz: "Na mensagem os bispos apresentaram junto experiências e propostas surgidas na 
Assembleia, afrontando questões desafiadoras (scottanti). Sem ceder ao pessimismo e convidando ao confronto, em campo aberto, o Sínodo propôs como fio condutor da mensagem, o encontro de Jesus com a Samaritana. Com a experiência do Sínodo, também «a Igreja quer estar ao lado de homens e mulheres do nosso tempo para tornar Deus presente em suas vidas».
E conclui a reportagem, antes de apresentar integralmente o texto da Mensagem: "Enfim, trata-se de «possibilitar experiências de Igreja, multiplicar os poços acessíveis a homens e mulheres sedentos e facilitar-lhes o encontro com Jesus, oferecer oásis nos desertos da vida». Mas a missão de evangelizar o mundo começa pela Igreja com um apelo à conversão. A começar dela mesma".
Agora,  nesta manhã de sábado, faremos a penúltima Sessão, com a leitura da segunda parte das proposições e sua aprovação por parte dos padres sinodais. Nessa ocasião, os textos entregues aos bispos são recolhidos, pois neles está o voto de cada um (placet e non placet). E aí se encerra o trabalho dos Sínodo. As 58 proposições ainda passarão pela Cúria Romana e só então serão publicadas, como vem acontecendo no pontificado de Bento XVI, pois até João Paulo II elas eram mantidas em segredo e entregues ao Papa para que, juntamente com a comissão eleita pelo Sínodo, ele escrevesse a Exortação Apostólica referente ao tema.

Roma, 27 de Outubro de 2012, Sábado.
Pe. Luiz Alves de Lima, sdb.

Nenhum comentário:

Postar um comentário

Querido leitor, caso não tenha uma conta google escolha a opção anônimo e deixe seu nome no final do comentário.

Loading...

Cadastre seu email e receba nossas novidades:

Comissão Episcopal Pastoral para a Animação Bíblico-catequética

MAPA DE VISITAS